Veja como a NASA transporta suas cargas gigantes de avião


Além de fabricar foguetes e estações espaciais, a NASA é dona de um dos aviões mais esquisitos do mundo. Batizado de Super Guppy, este é o único avião grande, poderoso e largo o suficiente para transportar as partes dos equipamentos da agência espacial entre as diferentes instalações nos Estados Unidos.
A nave foi vista em ação novamente no início de fevereiro, transportando um módulo pressurizado para astronautas de uma instalação da NASA de Nova Orleans até a Flórida.
A operação para carregar o monstro começou na segunda-feira (1). Um guindaste ergueu o módulo do caminhão para uma plataforma, que por sua vez empurrou cuidadosamente o equipamento para dentro da barriga do Super Guppy.
Depois de prender a carga preciosa e fechar a fuselagem da nave, a equipe de técnicos liberou o avião para decolar. O módulo chegou algumas horas depois ao seu destino.











A nave Orion vai decolar em 2018 em um teste não tripulado. A primeira expedição humana deve acontecer em 2021, circundando a lua.

Super Guppy

Foi desenvolvida em 1962 para ser sucessora do avião Pregnant Guppy. Cinco Super Guppy foram construídas e ajudaram no transporte de componentes de missões como Gemini, Apollo e Skylab. As duas primeiras aeronaves foram produzidas na década de 1960 e a terceira e a quarta na década de 1980. A última e única ainda em operação é usada principalmente para transportar partes da Estação Espacial Internacional e do Projeto Orion.
Fonte: http://hypescience.com/
Share on Google Plus

About Henrique Halbercone

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.