Lixo espacial na órbita da Terra chega ao limite

Imagem meramente ilustrativa
 A quantidade de detrito espacial chegou a um ponto crítico e a agência espacial dos Estados Unidos (Nasa) precisa encontrar uma maneira melhor de monitorar e limpar o lixo na órbita da Terra, que ameaça os cerca de mil satélites comerciais, militares e civis em funcionamento e viagens espaciais tripuladas.


Essa é a conclusão do relatório do Conselho Nacional de Pesquisa do país, divulgado anteontem. "Teremos muito mais colisões, a uma taxa cada vez maior", afirmou Don Kessler, um ex-cientista da Nasa que presidiu o comitê que preparou o relatório. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: http://www.dgabc.com.b
Share on Google Plus

About Henrique Halbercone

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.