Japão: iodo radioactivo atinge níveis alarmantes


É já cinco milhões de vezes superior ao limite junto à central de Fukushima



Após 25 dias de luta para evitar a fusão nuclear nos reactores de Fukushima, a poluição ambiental agrava-se. Segundo a Euronews, as últimas análises da água do mar junto à central mostram que o nível de iodo radioactivo é cinco milhões de vezes superior ao limite e o césio-137 é de mais de um milhão.

O governo nipónico admitiu que 60 mil toneladas de água inundam a central. A operadora da instalação (TEPCO) começou a verter para o oceano água pouco contaminada para, depois, armazenar a que é altamente radioactiva.

O governo prometeu reforçar as inspecções e fixou novas taxas limite de radioactividade para os peixes e crustáceos. Segundo a OCDE, o crescimento do Japão vai recuar até 1,4 por cento nos próximos dois trimestres. Os economistas prevêem uma recuperação a partir de Julho.

Share on Google Plus

About Henrique Halbercone

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.