Missão tripulada na Estação Espacial Internacional inicia segunda década

Complexo orbital é ocupado por humanos desde 2 de novembro de 2000.
Missão Discovery levará para a ISS, pela primeira vez, um robô humanoide.


Foto tirada pela tripulação da ISS mostra região dos EUA (Foto: Nasa)  
 A vida na Estação Espacial Internacional (ISS) inicia nesta quarta-feira (3) a segunda década de sua história que teve início em 2 de novembro de 2000, quando os astronautas Bill Shepherd, Yuri Gidzenko e Serguei Krikalev se instalaram nela.

Três russos e três norte-americanos estão a bordo da ISS atualmente (Foto: Nasa) 
 Desde então, as diferentes missões foram adaptando a ISS para a vida diária e instalando nela complexos sistemas que permitiram conquistas científicas.

Furacão Igor é fotografado por astronauta da Estação Espacial Internacional (Foto: AP / Nasa - Doug Wheelock)

Este aniversário é "um marco mundial extremamente importante para a Nasa e seus parceiros", disse o diretor da agência espacial americana, Charles Bolden.

Ele acrescentou que o início da ISS se tratou de "um magnífico salto na história das conquistas da humanidade".

 Bolden felicitou a atual tripulação da estação - o comandante Doug Wheelock, Oleg Skripochka, Alexander Kaleri, Scott Kelly, Shannon Walker e Fyodor Yurchikhin.

Desde essa primeira expedição, mais de 196 pessoas visitaram o complexo espacial.

Além disso, foram realizadas mais de 600 pesquisas e experiências, "muitas das quais estão produzindo avanços na medicina, nos sistemas de reciclagem e estão contribuindo para uma compreensão fundamental do universo", ressaltou.

Em 25 de outubro, a ISS também se tornou a nave espacial que esteve habitada por mais tempo, superando os 3.644 dias da estação espacial russa Mir.

Além disso, este ano a Nasa decidiu prolongar a vida da ISS - um projeto no qual participam 16 países - até 2020.

"A estação é nosso ponto de apoio no espaço e será uma parte essencial de nosso trabalho para enviar humanos em missões além da órbita baixa da Terra no futuro", destacou.
Nasa decidiu prolongar vida da ISS até 2020

Bolden afirmou que nesta segunda década da ISS espera que a experiência adquirida na estação os leve "a Marte e além".

A ISS está prestes a receber o ônibus espacial Discovery, que partirá para uma missão de 11 dias com seis astronautas e um passageiro muito especial, o robô Robonaut 2.

Esta será a primeira vez que um robô viajará à ISS e ficará nela para que os engenheiros testem suas habilidades e analisem se mais adiante ele poderá ajudar nos trabalhos de manutenção ou em outras experiências científicas.


Fonte: http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2010/11/missao-tripulada-na-estacao-espacial-internacional-inicia-segunda-decada.html 
Share on Google Plus

About Henrique Halbercone

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.