Piloto de Avião Comercial diz que fenômeno OVNI é real













Com quase 30.000 horas de vôos, as qualificações de Jim Courant como um dos principais capitães de aviões de passageiros são sólidas. Então sua convicção sobre OVNIs é real.

"Eu achei as provas que procurava", disse Courant. "Essa é a parte que eu não discuto. Mas com certeza algo me manteve motivado para eu aproveitar as chances que apareceram."

A natureza das provas que ele encontrou não é tudo que Courant não discute. Preocupado com a repercussão no seu trabalho, ele declina á confirmar o nome da sua companhia aérea. Assim como revelar as identidades dos oficiais de alto escalão que lhe confirmaram a presença extraterrestre durante conversas.

Porém alguns nomes foram apresentados.

Astronauta Gordon Cooper, que possui um encontro com OVNI era amigo de Courant. Ele também trocou estórias com astronauta Edgar Mitchel, que em 2009 fez uma declaração no Prédio da Imprensa Nacional americana pedindo mais transparência ao governo americano sobre o tema OVNI que gera uma atenção da mídia.

A resposta que Mitchell recebeu da imprensa passou um pouco de otimismo para Courant aonde futuros eventos de mídia podem mudar de rumo.

Mídia obscura

"Um herói nacional e o sexto homem a andar na lua disse que o governo americano e outros mantém contato com alienígenas por 67 anos. Essa é uma declaração fantástica. Estava escrita na página sete do jornal NY Post."


A frustração de Courant para o que organizador da Conferência X, Steve Basset, chama de "verdadeiro embargo" é obvio quando lhe perguntam a respeito da eficiência do movimento de revelação.

"Eu gostaria de dizer que Steve está conseguindo algo com as suas ações", disse Courant. "Mas a internet é o novo xerife da cidade e com tanta besteira circulando fica difícil para as pessoas saberem no que acreditar."

Courant, que está prestes a descarregar seu acervo de 5.000 livros de OVNI, fala com um semblante de quem já contou suas estórias diversas vezes e foi reprimido algumas vezes.

"Arruinou minha vida social", disse Courant, que é divorciado e mora nos estados da Carolina e Carolina do Norte – EUA.

De acordo com Courant, pilotos que expressam interesse pelos OVNIs passam por diversos testes desde psicológicos até os chamados "line checks" (testes durante os vôos) no qual se eles não saírem bem pode resultar em demissão. O melhor jeito pra evitar problema, disse Courant, é nunca falar sobre o assunto durante o trabalho ou fora dele e nunca mencionar o nome de nenhum funcionário em algum evento ufológico.

Mas Courant, agora com 59, continua voando e participando em pesquisas ufológicas.

Ele participa de debates em várias localidades desde a China até o Brasil assim como em Gaithersburg - EUA onde participou da Conferência X de 2005 "Vista por cima" no painel de pilotos.

Courant foi convidado por uma afiliada da NBC em Raleigh (Carolina do Norte-EUA) em 1992 para ser o apresentador do programa"Nova Perspectiva", um programa de TV diário focado em temas similares ao da série "Mistérios Não Resolvidos - Unsolved Mysteries", aonde ele foi um consultor.

"Nós fizemos 534 shows, cobrindo diversos temas ufológicos", disse Courant. Ele viajou bastante gravando entrevistas para o show que ele era o apresentador junto com uma mulher que será chamada apenas como "Dea", pois atualmente ela prefere não se identificar.

Busca por conhecimento dentro de uma avalanche de mentiras

Questionado sobre seus avistamentos de OVNI, Courant disse que teve três, o mais notável ocorreu em 1995 quando estava voando do Novo México para Los Angeles.

"Meu co-piloto não quis falar sobre o assunto depois", ele disse, descrevendo um grande objeto, com formato oval, de cor azul esverdeada que apareceu da esquerda, depois parou num ângulo de 45 graus e que tinha uma luz brilhante.

Mas o Courant tem conhecimento que declaração de experts não tem lugar para o que Gordon Cooper refere-se como a "Grande avalanche de mentiras" obstruindo a revelação.

Coloque no Google "Jim Courant" e você descobrirá, entre outras coisas, um DVD de US$20 chamado "Jim Courant Presents UFO Perspective (Jim Courant apresenta uma perspectiva sobre OVNI)", na qual Courant diz não conhecer e muito menos autorizar. Procure seu nome no youtube e encontrará trechos de uma entrevista que ele fez com cientista e contatado Dr. Michael Wolfe, que foi postada sem permissão.

"Eu sofri muito por isso", ele disse, lamentando os efeitos da informação, mesmo que isso causasse preocupação pública (ou aceitação) dos OVNIs.

"É triste que entre os astronautas e os pilotos de caça, ainda exista o fator degradante."

"Eu aprendi em 20 anos que você tem as pessoas sinceras e as que estão por dinheiro e fama".

"No meu ponto de vista", Courant diz, "acaba sendo uma questão de conhecimento."

Fonte:Technorati
Share on Google Plus

About Henrique Halbercone

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.