Área 51 - Como funciona

A instalação militar secreta mais famosa do planeta fica a menos de 160 quilômetros de Las Vegas, Nevada, nos EUA. Muitos rumores rondam essa base, da mesma forma que a aeronave misteriosa que gira e manobra nos céus. Apesar de ser conhecida por muitos nomes, a maioria das pessoas a chama pela designação da Comissão de Energia Atômica (AEC): Área 51.

Foto cedida Armageddon Online
A Área 51 é circundada por placas de aviso como essa.


Existem muitas teorias sobre como a Área 51 recebeu esse nome. A mais popular é que a instalação faz fronteira com o Local de Teste de Nevada (NTS, Nevada Test Site). A AEC usou o NTS como base de teste para bombas nucleares. O NTS é mapeado como uma tela quadriculada que é numerada de 1 a 30. A Área 51, apesar de não fazer parte dessa tela, faz fronteira com a Área 15. Muitos dizem que o local recebeu o nome de Área 51 devido à transposição dos números 1 e 5 de sua vizinha. Outra teoria popular é que o número 51 foi escolhido porque ele não seria usado como parte do sistema do NTS no futuro (no caso do NTS se expandir).

O primeiro uso documentado do nome Área 51 vem de um filme feito pela empresa Lockheed Martin. Também existem documentos não-confidenciais das décadas de 60 e 70 que se referem a uma instalação chamada Área 51. Atualmente, os oficiais se referem à instalação como um local de operações próximo do Lago Groom quando falam ao público: todos os nomes oficiais para o local parecem ser confidenciais.

O nome sozinho inspira pensamentos de conspirações do governo, aeronaves "pretas" secretas e tecnologias alienígenas. Fatos, mitos e lendas caminham juntos de tal forma que se tornou difícil separar a realidade da ficção. O que exatamente acontece nessa instalação? Por que o governo reconheceu e negou alternativamente sua existência até a década de 90? Por que o espaço aéreo acima dela é tão restrito que mesmo aeronaves militares são proibidas de voar? E o que ela tem a ver com Roswell, no Novo México?

Cada pergunta parece ter milhões de respostas diferentes. Algumas respostas são plausíveis, enquanto outras desafiam a credulidade a tal ponto que se alguém disser isso em voz alta, você vai querer se afastar lentamente. Neste artigo, daremos uma olhada nos fatos até onde qualquer pessoa fora da instalação possa determiná-los e examinaremos as teorias mais populares sobre a Área 51.

Fonte: http://ciencia.hsw.uol.com.br
Share on Google Plus

About Henrique Halbercone

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.